quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Itapoã receberá mais de R$ 10 milhões em investimentos para obras

Obras incluem construção de praça, pontos de encontro comunitário e melhorias na iluminação pública

 A cidade de Itapoã receberá mais de R$ 10 milhões em investimentos, até o fim de 2014, para obras que incluem a construção de dois Pontos de Encontro Comunitário (PECs), praça com complexo poliesportivo, troca dos medidores de energia, renovação da iluminação pública e asfaltamento de vias.

“Várias obras já foram realizadas, mas não são suficientes para atender a demanda da comunidade. O levantamento das obras necessárias foi passado ao corpo técnico do GDF. O governador é sensível às nossas dificuldades”, afirmou hoje o administrador regional, Paulo Gonzaga.

Ainda neste semestre, a Secretaria de Obras deve entregar dois Pontos de Encontro Comunitário –academias ao ar livre acompanhadas de mesas, cadeiras, calçamento e mudas de árvore –, no valor de R$ 92 mil, de acordo com a Secretaria da Casa Civil.

A administração regional construirá mais dois PECs, ao custo estimado de R$ 144,210 mil. “É um dos melhores investimentos que já vi. Uso três vezes por semana e economizo com academia”, comemorou a estudante de psicologia, Fabrícia Vasconcelos, de 23 anos, usuária de um dos pontos construídos este ano.

Entre os investimentos com conclusão planejados para o ano que vem está a construção da Praça da Juventude -complexo poliesportivo de 7,5 mil m², na quadra 203, provido de quadra coberta, quadra de vôlei de praia, campo de futebol sintético, área especial para idosos, academia, pista de corrida e de skate.

A obra está orçada em R$ 2,090 milhões e está em fase preparatória na Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), de acordo com informações da Casa Civil.

O estudante Carlos Alexandre Santos, de 11 anos, é um dos que aprovam a construção da praça. Ele jogava futebol com os amigos em um campo de cimento e agora usa o sintético, construído há quatro meses próximo à rodovia DF-001. “Passei a jogar aqui duas vezes por semana. Achei bom porque na outra quadra eu me machucava muito”, explicou.

Também programada para ser concluída no ano que vem, a troca de todos os relógios medidores de consumo de energia, realizada pela Companhia Energética de Brasília (CEB), está orçada em R$ 6 milhões, o que vai possibilitar a instalação de cabos de telefonia em toda região administrativa.

Os medidores antigos estão posicionados nos postes de luz, o que implica risco de choque elétrico para os funcionários das companhias telefônicas. Com a troca, os medidores serão instalados nas residências. A CEB renovará também a iluminação da região, com intervenções no valor de R$ 425,7 mil.

Além disso, o projeto inclui o asfaltamento de 17,2 km de vias, no valor de R$ 2,6 milhões, segundo informações da Novacap -ainda em fase de licitação que deve terminar em 2014.

MORAR BEM – Itapoã deve receber, também, o empreendimento Itapoã Parque, pacote de habitações do “Programa Morar Bem”. O complexo vai atender 12.112 famílias, das quais 9.936 têm renda de até R$ 1.600 por mês, e outras 2.176, de R$ 1.600,01 a R$ 3.275 por mês.

A obra deve terminar em 2015, está orçada em R$ 936,2 milhões. A expectativa da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Habitação é que a construção comece ainda em 2013, após o empreendimento obter as licenças necessárias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário